Entenda a alveolite e seu tratamento

A alveolite é uma infecção do alvéolo, parte interior do osso onde se encaixa o dente. Geralmente ocorre depois de extrair um dente, quando não se forma um coágulo sanguíneo ou este se desloca, desenvolvendo-se uma infecção. Existem dois tipos de alveolite: a seca e a purulenta.

A alveolite seca instala-se quando não ocorre a formação do coágulo sanguíneo pós-extração, sendo assim, o interior do alvéolo fica seco, ou seja, com exposição do respectivo osso e correspondentes terminações nervosas, o que leva a uma situação de desconforto e dor intensa.

Já na alveolite purulenta existe produção de pus e sangramento, o que pode ser causado por reações a corpos estranhos existentes no interior do alvéolo, provocando mau cheiro e dor intensa, mas que, geralmente, não é tão forte como na alveolite seca.

Existem alguns fatores de risco que podem aumentar as chances do desenvolvimento de alveolite, como por exemplo, hábitos de higiene oral inadequados, ter sofrido uma extração dentária difícil e/ou incorreta, a anestesia usada na extração, presença de infecções já existentes perto do local, uso de cigarro, bochechos que possam remover o coágulo sanguíneo, uso de anticoncepcionais orais, falha na desinfecção do local, doenças como diabetes ou problemas de coagulação podem também aumentar o risco de desenvolver uma alveolite.

Os sintomas mais comuns são dores de dente intensas com irradiação para o restante do rosto, pescoço ou ouvido, mau hálito, alterações no paladar, inchaço, vermelhidão, aumento dos gânglios linfáticos na região, febre e presença de pus, caso se trate de uma alveolite purulenta. O tratamento, geralmente consiste em higienização do local pelo dentista seguida pela a administração de medicamentos anti-inflamatórios e antibióticos.

A pessoa também deve reforçar a higiene oral em casa, seguindo todos os passos prescritos pelo dentista, que pode ainda recomendar anestésicos locais para reduzir a dor e colocar uma pasta anti-séptica medicamentosa.

Nos primeiros sintomas, é fundamental procurar o dentista. Para isso, a Brasildental conta com uma rede credenciada com mais de 31 mil profissionais especializados e prontos para lhe atender.

Fontes: Tua SaúdeSaúde e bem estar.

 

Os artigos publicados em nosso blog têm o intuito de mostrar a importância da saúde bucal. O conteúdo não substitui a orientação dos dentistas ou demais profissionais de saúde.

Quer receber conteúdos exclusivos sobre Saúde Bucal? Cadastre-se aqui e aproveite!