Como escolher um plano odontológico BB Dental

Com tantas opções é difícil escolher o ideal para suas necessidades, por isso conheça um pouco sobre cada plano BB Dental.

Os planos Dente de Leite são para crianças de 0 a 7 anos e o Júnior para as idades entre 8 e 16 anos. Eles possuem uma cobertura básica e com todos os procedimentos que geralmente são realizados nessa idade, como limpezas, aplicação de flúor, tratamento de canal, entre outros.

O BB Dental Essência é perfeito para quem está à procura de um plano com um custo x benefício acessível. Sua cobertura possui os componentes básicos para o cuidado dental, bem como as próteses simples, restaurações e extração de sisos. Já o Estética é procurado para os cuidados com a aparência do sorriso. Ele cobre procedimentos mais estéticos, como o clareamento.

O plano Orto é voltado para o uso do aparelho ortodôntico. Além de cobrir documentações e radiografias.

Independente do que você procura, a Brasildental possui o plano ideal para você, acesse nosso site: bbdental.com.br

ANS – N°41941-9 Brasildental S/A | CRO/SP nº 14049 | RT: M. J. Silva Costa – CRO/SP nº 30387

Os artigos publicados em nosso blog têm o intuito de mostrar a importância da saúde bucal. O conteúdo não substitui a orientação dos dentistas ou demais profissionais de saúde.

Quer receber conteúdos exclusivos sobre Saúde Bucal? Cadastre-se aqui e aproveite!

Tratamento Odontológico: A importância da Radiografia

A radiografia é extremamente importante para o diagnóstico, já que é através dela que se pode ver o intraósseo (dentro do osso). O seu papel na odontologia é fundamental, pois proporciona ao dentista, informações confiáveis e nem sempre possíveis de serem notadas no exame clínico, como cáries ocultas, perdas ósseas, perfurações ou fraturas dentárias.

Na extração dentária, por exemplo, a radiografia auxilia na identificação da posição da raiz do dente e se o nervo pode ou não interferir no processo. Assim, o dentista não terá imprevistos durante a cirurgia.

Na odontologia, os dois tipos de radiografias mais utilizados são as periapicais (retiradas de dentro da boca) e as panorâmicas (retiradas fora da boca). As radiografias periapicais são muito utilizadas para diagnósticos precisos em um único dente ou região, enquanto a radiografia panorâmica mostra todos os dentes da arcada dentária, possibilitando a análise da situação do osso e dos dentes.

O raio-x também é imprescindível na área da ortodontia; ele auxilia na confecção de moldes de gesso, fotos e slides. Em caso de tratamento ortodôntico, é indicado que o paciente faça um raio-x a cada 6 meses para que o dentista possa realizar o acompanhamento. Lembramos que a escolha do melhor tipo de radiografia a ser utilizada é feita por um profissional, assim como seu diagnóstico e tratamento. A Brasildental garante que você tenha cobertura das suas radiografias, além de acesso a profissionais especializados afim de garantir a qualidade do seu sorriso.

Fontes: Orthodontic brasilMega Imagem

Os artigos publicados em nosso blog têm o intuito de mostrar a importância da saúde bucal. O conteúdo não substitui a orientação dos dentistas ou demais profissionais de saúde.

Quer receber conteúdos exclusivos sobre Saúde Bucal? Cadastre-se aqui e aproveite!

Saiba como a endocardite bacteriana está ligada a higiene bucal

Tudo está interligado no corpo humano. Por isso, a falta de uma boa higiene bucal não atinge apenas os dentes, as gengivas e as estruturas bucais, ela pode ser responsável por outros problemas, como a endocardite bacteriana. Esta doença infecciosa atinge o revestimento interno do coração e é causada por microrganismos que chegam através da corrente sanguínea.

Antes de mais nada, é preciso ter em mente que existem dois tipos de endocardite bacteriana: a aguda e a subaguda. A endocardite aguda começa subitamente e evolui rapidamente, ela pode afetar o cérebro, rins, fígado pulmões, levando ao óbito com facilidade caso não seja tratada. Já a endocardite subaguda inicia seus sintomas de forma gradual e pode persistir por mais de um ano, atingindo principalmente pessoas que utilizam piercing na língua ou possuem tumores no sistema digestivo.

Em ambos os casos, seus sintomas são febres e calafrios, cansaço excessivo, dor nos músculos e nas articulações, sudorese noturna, tosse persistente e manchas e mucosas pelo corpo. Sendo causada principalmente pela presença de bactérias na corrente sanguínea ou de lesões no endocárdio, também causado por agulhas e seringas contaminadas.

Por isso, para evitar problemas bacterianos, é preciso estar sempre atento à limpeza desses materiais e também do seu sorriso. Isso porque o surgimento da doença está relacionado diretamente com a higiene bucal. Para manter a saúde dos dentes em dia, nada melhor que higienizá-los diariamente e realizar visitas periódicas ao dentista. Nesse quesito, a Brasildental pode ajudar, com seus planos que garantem a saúde do seu sorriso e da sua família.

Fontes: SorrisologiaOdonto Company.

Os artigos publicados em nosso blog têm o intuito de mostrar a importância da saúde bucal. O conteúdo não substitui a orientação dos dentistas ou demais profissionais de saúde.

Quer receber conteúdos exclusivos sobre Saúde Bucal? Cadastre-se aqui e aproveite!

Afinal, o que é perda óssea dentária?

Dividido entre coroa e raiz, o dente se estrutura com base no osso que o constitui. A perda óssea é justamente o desgaste desse osso base (osso alveolar), um problema que atinge principalmente os idosos.

Mas isso não significa que não possa atingir os mais jovens.  A perda de um ou mais dentes também pode ser a causa do comprometimento do equilíbrio das estruturas ósseas, definido por formação e reabsorção óssea. Isso porque o dente é um órgão dinâmico e uma falha pode causar defeitos na altura ou espessura dos processos alveolares, da mandíbula ou da maxila, afetando a região bucal como um todo.

Além disso, é preciso ter atenção na evolução da periodontite, causada pela má higienização da boca, que ataca o conjunto de tecidos que sustentam e nutrem o dente, chamado periodonto, o que também pode causar a perda óssea.

As opções de tratamento variam bastante de acordo com o grau da perda óssea, em perdas menores, é possível fazer a descontaminação do local e acompanhamento clínico e radiográfico. Já nas situações em que os defeitos ósseos comprometem a sustentação do dente, é preciso realizar a recuperação do osso, formado por cemento e ligamento periodontal.

Mas, não se preocupe, é possível evitar o desgaste ósseo através de cuidados simples, como a escovação correta e acompanhamento profissional. Por isso, é importante contar com o apoio de um plano odontológico completo. É aí que a Brasidental entra, com seus planos para toda a família com mais de 31 mil profissionais credenciados e preços acessíveis.

Fontes: Odonto CompanySorrisologiaBenatti Odontologia

 

Os artigos publicados em nosso blog têm o intuito de mostrar a importância da saúde bucal. O conteúdo não substitui a orientação dos dentistas ou demais profissionais de saúde.

Quer receber conteúdos exclusivos sobre Saúde Bucal? Cadastre-se aqui e aproveite!