Como escolher o enxaguante bucal?

O enxaguante bucal é um importante aliado da saúde. Seu uso corta o mau hálito, evita placa bacteriana, cáries e gengivite. Chegando à gôndola do supermercado você pode encontrar enxaguantes de todo o tipo, e nessa hora fica a dúvida: como escolher o ideal? Existem diversas opções à venda. Os mais comuns são:
  • Com álcool: o menos recomendado, pois sua substância desequilibra o pH bucal, agride a mucosa oral e afeta o esmalte do dente;
  • Sem álcool: possuem outras substâncias ao invés do álcool, portanto, é possível usá-lo com mais segurança. Eles não geram ardência e nem maltratam a boca;
  • Com flúor: os enxaguantes fluoretados são ótimos para pessoas com cárie e sensibilidade. Recomenda-se o uso apenas uma vez por dia para combater as bactérias;
  • Antisséptico: ele atua contra o mau hálito e elimina as bactérias que causam o odor desagradável. Os enxaguantes antissépticos são mais fortes, por isso você deve usar por apenas uma semana, seguindo as orientações do dentista. Antes de comprar, recomendamos consultar um dentista para que ele possa aconselhar o melhor produto, a dosagem certa e o período de uso.
Fonte: Tua Saúde